Letras das músicas de Zeca Afonso:

Grândola Vila Morena


A Acupunctura Em Odemira

A Cidade

A Formiga No Carreiro

A Morte Saiu À Rua

A Mulher Da Erva

A Presença Das Formigas

Achégate A Mim, Maruxa

Adeus ó Serra da Lapa

Agora

Ailé! Ailé!

Alegria Da Criação

Ali Está o Rio

Alípio de Freitas

Altinho

Altos Castelos

Amor de Estudantes

Arcebispada

As Noivas Dos Bilros

As Pombas

As Sete Mulheres Do Minho

Avenida De Angola

Bailia

Balada Aleixo

Balada Do Outono

Balada do Sino

Benditos

Canção da Paciência

Canção De Embalar

Canção do Desterro (Emigrantes)

Canção do Mar

Canção do Vai... e Vem

Canção Longe

Canta Camarada

Canta o Colie

Canta o Juiz

Cantar Alentejano

Cantares de Andarilho

Cantiga Do Monte

Cantigas Do Maio (eu Fui Ver A Minha Amada)

Canto Moço

Carta a Miguel Djéjé

Catedral De Lisboa

Chamaram-me Cigano

Chula do Póvoa

Com As Minhas Tamanquinhas

Comboio Descendente

Como Se Faz Um Canalha

Contos Velhinhos

Coro da Primavera

Coro Dos Caídos

Coro dos Tribunais

De Não Saber o Que Se Espera

De Quem Foi a Traição

De Sal de Linguagem Feita

Década de Salomé

Deus Te Salve, Rosa

Elegia

Em Terras de Trás-os Montes

Endechas A Bárbara Escrava (aquela Cativa)

Enquanto Há Força

Entrudo

Epígrafe Para A Arte De Furtar (roubam-me Deus)

Era de Noite e Levaram

Era Um Redondo Vocábulo

Escandinávia Bar-Fuzeta

Eu Dizia

Eu Marchava de Dia e de Noite

Eu Vou Ser Como A Toupeira

Foi Na Cidade do Sado

Foi No Sábado Passado

Fui À Beira do Mar

Fura Fura

Gastão Era Perfeito

Grândola Vila Morena

Já O Tempo Se Habitua

Lá No Xepangara

Lá Vêm Os Nossos Soldados

Lá Vêm Subindo o Abismo

Maio, Maduro Maio

Maravilha Maravilha

Maria Faia

Menina Dos Olhos Tristes

Menino De Oiro

Menino do Bairro Negro

Milho Verde

Minha Mãe

Na Fonte Está Lianor

Na Rua António Maria

Não Seremos Pais Incógnitos

Natal Dos Simples

Nefretite Não Tinha Papeira

No Combóio Descendente

No Dia da Unidade

No Lago Do Breu

No Vale Fuenteovejuna

Ó Altas Fragas da Serra

O Avô Cavernoso

O Cabral Fugiu Para Espanha

O Canarinho

Ó Cavador do Alentejo

O Cavaleiro e o Anjo

O Homem Da Gaita

O Homem Novo Veio da Mata

O Homem Voltou

O Pastor de Bensafrim

O Que Faz Falta

Ó Ti Alves

Ó Vila de Olhão

Oh Coimbra Do Mondego

Os Fantoches de Kissinger

Os Índios da Meia-praia

Os Meninos Nazis

Papuça

Paz Poeta e Pombas

Pombas

Por Aquele Caminho

Por Trás Daquela Janela

Qualquer Dia

Quanto é Doce

Que Amor Não Me Engana

Raínha

Rio Largo de Profundis

Ronda Das Mafarricas

Ronda dos Paisanos

Santa Maria a Sem-Par

Saudadinha

Se Voaras Mais Ao Perto

Senhor Arcanjo

Senhor Poeta

Senhora do Almortão

Senhora Que o Velho

Sete Fadas Me Fadaram

Só Houve O Brado Da Terra

Tecto do Mendigo

Tecto Na Montanha

Tenho Barcos, Tenho Remos

Tenho Um Primo Convexo

Teresa Torga

Tinha Uma Sala Mal Iluminada

Trás Outro Amigo Também

Trovas Antigas

Tu Gitana

Utopia

Vai, Maria Vai

Vampiros

Vejam Bem

Venham Mais Cinco

Verdes São Os Campos

Vira de Coimbra

Viva o Poder Popular



Grândola Vila Morena

Mais Músicas do Zeca Afonso


© Zeca Afonso 2008